ALTOS NÍVEIS DE TRIGLICERÍDES ? ESSAS MUDANÇAS NA DIETA PODEM MUDAR.

28/08/2016 06:27
Triglicérides alto: Faça algo para reduzir o risco de um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.
Por Jane Harrison, RD, Escritor contribuinte.
Revisão médica: Giselle HPR Diniz.

 
 
Altos níveis de triglicérides? Essas mudanças na dieta podem ajudar

Se você pensa que níveis altos de triglicérides não podem afetar a sua saúde, pense bem sobre isso.

 

A maior parte da gordura dos alimentos, assim como de seu corpo, está presente na forma de triglicérides. Normalmente, o corpo pode controlar a quantidade de triglicérides que produz. Mas, às vezes, níveis prejudiciais se acumulam no sangue. Triglicérides alto pode aumentar o risco de um ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral, entre outros riscos à saúde.

 

Normalmente, um nível alto de triglicerídeos é sinal de que a sua dieta precisa de atenção extra. Ou pode ser devido a um problema hereditário. Triglicerídeos são frequentemente elevados em pessoas com diabetes mal controlado ou problemas nos rins. Eles também podem ser produzidos em uma pessoa com uma disfunção da tireoide.

 

Os níveis de triglicérides em jejum são assim classificados:

 

Normal

Menor que 150mg/dL

Limítrofe alto

150 a 199mg/dL

Alto

200 a 499mg/dL

Muito alto

500mg/dL ou maior

 
 

Como diminuir o seu nível

Se o seu triglicérides está alto, é provável que você tenha outros fatores de risco maiores para doença cardíaca. Estes podem incluir a obesidade ou pressão alta. Mudanças na dieta e estilo de vida podem ajudar a reduzir os níveis de triglicerídeos. Isto também pode manter a sua massa corporal, colesterol, diabetes e pressão arterial sob controle. Aqui está como começar:

 

  • Perca o excesso de peso. Se você está acima do peso, uma perda de peso de alguns quilos pode ser útil. Consumir menos calorias e em menores porções são boas maneiras de começar.
  • Evite alimentos e bebidas açucaradas. Assim como os níveis de glicose no sangue, triglicérides são afetados pela quantidade de açúcar na dieta. Tente evitar doces, refrigerantes, bolos, doces e biscoitos. Além disso, reduza outros tipos de grãos processados, como massas brancas, batatas brancas e pão branco.
  • Coma alimentos saudáveis em abundância.
    - suco de frutas frescas (evite sucos prontos)
    - legumes frescos ou congelados
    - feijão, lentilha e ervilha
    - pequenas porções de grãos integrais, como arroz integral, batata doce ou aveia
    - proteínas magras, como peixe, frango sem pele, peru, tofu ou carne muito magra
  • Aumente gorduras ômega-3 em sua dieta. Coma peixes gordos, como salmão, sardinha ou atum light, pelo menos duas vezes por semana. Também inclua nozes, óleo de linhaça e verduras escuras como fontes vegetais de ômega-3. Outras gorduras saudáveis ​​incluem abacate, óleo de oliva e de canola, manteiga de amendoim natural e nozes (com moderação, pois são ricos em calorias). Use essas gorduras para substituir fontes saturadas e de gordura. Essas fontes podem incluir manteiga, queijo, carne vermelha, frituras, margarina e alimentos processados.
  • Pergunte ao seu médico sobre um suplemento de ômega-3. Se os níveis de triglicerídeos estão altos e você não está recebendo ômega-3 suficiente, pergunte ao seu médico se um suplemento é ideal para você.
  • Evite ou limite o álcool. O álcool é rico em calorias e açúcar. Ele também pode ter um efeito poderoso sobre os triglicérides. Pequenas quantidades de álcool podem aumentar o seu nível. Isso pode ser especialmente verdadeiro se você tiver triglicérides nas categorias "alto" ou "muito alto".
  • Exercite-se regularmente. Com a aprovação de seu médico, faça pelo menos 30 minutos de atividade física em intensidade moderada, pelo menos 5 dias por semana. Isto é, 150 minutos por semana. Isso também pode aumentar o HDL ("colesterol bom"). Seja caminhar, nadar ou andar de bicicleta, escolha algo que você goste, assim você, possivelmente, não irá desistir.
  • Considere a combinação mudanças de estilo de vida e medicamentos para o tratamento de hipertrigliceridemia. Os medicamentos geralmente utilizados para o tratamento de colesterol elevado (estatinas) podem também reduzir os triglicérides. No entanto, quando os níveis de triglicérides são elevados, podem ser necessários medicamentos específicos. Nesta situação, os medicamentos para triglicérides são utilizados em combinação com os medicamentos para colesterol. Mas eles não substituem os medicamentos para colesterol.

 

 
 
FONTES:
 
- IV Diretriz Brasileira Sobre Dislipidemias e Prevenção da Aterosclerose Departamento de Aterosclerose da Sociedade Brasileira de Cardiologia - Arq. Bras. Cardiol. Volume 88, suplemento I, Abr/2007.
- American Heart Association. Triglycerides.
- American Heart Association. Fish and omega-3 fatty acids.
- National Cholesterol Education Program. ATP III guidelines at-a-glance quick desk reference.
- National Heart, Lung and Blood Institute. What is cholesterol?
 
Copyright © 2013 myOptumHealth.